Whatsapp
Portal Ciesp > Notícias > Semana da Indústria traz comunicação arrojada e criativa

Noticías

Semana da Indústria traz comunicação arrojada e criativa02/06/2021Com abordagens disruptivas e orgânicas, CIESP Campinas traz ciclo de debates de grande aproximação com os industriais e empreendedores em geral.

O dia da indústria comemorado em 25 de maio, traz em seu bojo o lema da liderança da indústria para o avanço da economia e competitividade do país.  Nesta semana tão emblemática e importante, a Diretoria Regional, representada por seu Núcleo de Jovens Empreendedores – NJE Campinas, trouxe aos associados e empresários da região um ciclo de palestras riquíssimo em conteúdo e dinamicidade.

arquivo sem legenda ou nomeJosé Henrique Toledo Corrêa, 1º vice-diretor, relembrou do início através do Núcleo de Jovens Empreendedores há décadas.  Já o 3º vice-diretor, Alfeu Cabral, relatou como na vivência prática sentiu, ainda como associado, a força do Centro das Indústrias do Estado de SP, “já desbravamos muitos caminhos e confio na vontade e na força da nossa entidade”, destacou.
arquivo sem legenda ou nome
O diretor do NJE Campinas, Ricardo Tafas, evidenciou a importância dos meios necessários para estartar uma cultura disruptiva e inovadora dentro das empresas, as tecnologias que se adaptam a cada negócio e todo o arcabouço fundamental para esse novo normal que a indústria vive hoje, o qual ultrapassa  as premissas de inovação advindas da indústria 4.0.  
arquivo sem legenda ou nome
A palestra de abertura teve como foco a influência do planejamento estratégico versus a prática da inovação no sucesso das empresas. "A 4ª Revolução Industrial apresenta grandes desafios inovativos para a indústria, e estar preparado, conhecendo quais ferramentas gerenciais deve-se utilizar para atingir o sucesso da empresa neste cenário de incerteza é fundamental no momento das tomadas de decisões. Sendo assim, torna-se relevante escolher o método correto para o planejamento da inovação, partindo da definição de qual tipo de inovação a empresa deseja, com a finalidade da escolha pelo planejamento que melhor se adequa à inovação desenvolvida", afirmou a CEO da Sýndreams Aceleradora de startups e empresas, Sandra Elisabeth.

Apesar do Brasil ser um dos países que mais possui escolas de idiomas no mundo, ainda tem um dos menores percentuais de falantes bilíngues, mesmo entre executivos. O segundo webinar do ciclo abordou como os baixos números de profissionais bilíngues afetam diretamente o dia a dia das empresas, barram o desenvolvimento de talentos e levam a uma limitação na pauta de comércio exterior do Brasil. “Com tantas tentativas de se obter boa proficiência na língua inglesa, seja por uma realização pessoal ou profissional, foi muito bom participar da palestra e esclarecer algumas dúvidas que sempre nos permearam.”, descreveu o especialista Cláudio Caccioli Jr., Coordenador Acadêmico e de Negócios no Centro Cultural Brasil Estados Unidos Campinas, uma instituição ligada ao Departamento de Estado dos Estados Unidos e à Missão Americana no Brasil.

E para chancelar o debate, a última webinar da Semana engajou o aprofundamento em ações planejadas e assertivas, com o propósito de tornar o empreendedor “imparável”. Esta foi o estudo apresentado pela fundadora e atual CEO da Startup Boomit Empreendedorismo, Carolina Augusta.
arquivo sem legenda ou nome
Ao apresentar os paradigmas fundamentais de seu programa de mentoria, a especialista destacou os momentos de estratégia, tática e operação. “Vale lembrar que a boa organização para dedicar espaço a cada um dos momentos é imprescindível para o sucesso do projeto.”, avaliou.

“Tudo parte de um conhecimento profundo do seu cliente!”, explicitou a CEO Startup Boomit Empreendedorismo. Segundo o estudo da especialista, mais de 40% das empresas quebram por não atenderem às necessidades latentes de seu mercado. “Assim o empreendedor precisa desenvolver consistência, o que advém de um movimento circular de adaptabilidade, humildade e interdependência dos processos”, pontuou.

Para a especialista investir no conhecimento do seu público-alvo é premissa básica, “as crises sempre vão existir, porém, é preciso persistência com inteligência, para que haja ganho de competitividade, conhecimento e habilidade.”, destacou.
Compartilhar:
Comentários:Nenhum comentário foi publicado.

Deixe aqui seu Comentário:

Nome:
Empresa:
Comentário: