Área Restrita:
Esqueci a senha
Portal Ciesp > Notícias > Diretoria do CIESP-CAMPINAS integra a equipe de mentores do Desafio Unicamp 2017

Noticías

Diretoria do CIESP-CAMPINAS integra a equipe de mentores do Desafio Unicamp 2017 12/04/2017Muitas empresas nascem e morrem por falta de informações, e nós, mentores, somos uma espécie de anjos da guarda com nossos ensinamentos e orientações”, observou o 1º vice-diretor e diretor estadual de Negócios, Produtos e Serviço, José Henrique Toledo.

No sábado, 08 de abril, a diretoria do CIESP-Campinas, representada por seu 1º vice-diretor e diretor estadual de Negócios, Produtos e Serviço, José Henrique Toledo; pelo representante local de Paulínia, Alfeu Cabral; pelo diretor financeiro, José Nelson Salveti; e pelo associado e empresário Rogério Galvani Giacomini, fortaleceu ainda mais a parceria universidade-empresa com sua participação no Desafio da Unicamp 2017.

Na ocasião o 1º vice-diretor José Henrique Toledo falou a respeito de sua mentoria em três projetos. “Em um deles, como último mentor, acredito que minha intervenção foi muito oportuna, principalmente, por conhecer a fundo o referido produto. Avalio que pelo menos quatro das intervenções que fizemos foram fundamentais para dar sustentabilidade ao projeto”, pontuou.

arquivo sem legenda ou nomeCom metodologia Lean, Workshop inicia capacitação para o Desafio Unicamp
Carolina Octaviano, agência inova Unicamp

“O único modo de vencer é aprender com erros”. Incentivando os alunos a não temerem o risco na hora de empreender, Domenico Grecco foi quem deu o pontapé inicial para o Desafio Unicamp 2017. A competição de modelos de negócio com base nas patentes na Unicamp teve sua primeira atividade no último sábado, dia 8 de abril, com a realização do Workshop de Lean Canvas. Greco, que é especialista na metodologia, ministrou a palestra principal e auxiliou os participantes na execução do plano de negócios.

Para ilustrar a importância de um bom plano de negócios, Grecco comentou o case de sucesso da Tesla, empresa especializada na produção de carros elétricos. Mesmo oferecendo um produto com uma pegada mais futurista, os executivos conseguiram encontrar um nicho de mercado, entre consumidores visionários da Califórnia, nos Estados Unidos.

“Você se lembra de como era a Tesla em 2008? Pois bem, este é o ano de criação da empresa. Eles acreditavam no valor do produto oferecido e encontram o mercado certo na Califórnia”, aponta, lembrando que, para isso, a empresa já teve que reajustar seu modelo de negócios.
No período da tarde, além do apoio de Domenico Grecco, cada equipe recebeu sessões de mentoria empresarial com profissionais de mercado, que voluntariamente todos os anos participam da competição para direcionar as equipes em seus modelos de negócio.

arquivo sem legenda ou nomeEssa dinâmica da competição, que capacita participantes e os incentiva a começarem suas startups, a cada ano atrai mais interessados. Esse ano, foram 80 equipes inscritas, das quais apenas 30 passarão para a próxima etapa.  “Tenho acompanhado o Desafio há 4 anos. É muito gratificante ver que, a cada ano, nossos números são maiores e mais expressivos”, comenta o diretor-executivo da Agência de Inovação Inova Unicamp, Prof. Dr. Milton Mori.
Prova desse interesse são os comentários dados pelos próprios alunos. Segundo Leandro Algenton, da equipe Gpel, a experiência superou suas expectativas. “Estou gostando muito do Desafio Unicamp. É bem diferente do que eu imaginava, é bem dinâmico. Essa proposta de incentivar o empreendedorismo é importante, principalmente em um momento de crise econômica”, afirma.

Para Matheus Groes, da equipe CPDBX, a participação no Desafio é decisiva para estimulá-lo a ir além em seus projetos, buscando um viés mais empreendedor. “Nos dá uma direção, um norte. É minha primeira vez em uma competição de empreendedorismo. Sempre desenvolvi software, mas a capacitação em empreendedorismo está me possibilidade enxergar além”,  relata.

O Desafio Unicamp 2017 trouxe consigo novidades. E a principal delas foi a possibilidade de que os interessados em participar da competição pudessem formar suas equipes no dia do workshop. A Inova Unicamp notou uma demanda latente de alunos querendo participar, mas não conseguindo montar equipes sozinhos. Foi aí, que decidiu ser a ponte entre eles. Isto, na opinião de Vanessa Sensato, gerente de Comunicação da Agência de Inovação, é um estímulo a mais para os participantes. “Muita gente se conheceu no Workshop e está montando suas equipes aqui, o que garante equipes mais multidisciplinares. A multidisciplinaridade enriquece o modelo de negócios e é importante para as startups”, defende. Outra novidade é, justamente, a multidisciplinaridade como quesito de avaliação das equipes durante a competição, conforme regulamento, disponível aqui.

Outra ação do workshop foi o apoio à campanha de Páscoa do grupo independente Amigos do Noel. Ao todo, foram 157 caixas de bombom arrecadas, que serão doadas para crianças carentes de Campinas.

Mais informações estão disponíveis no site: www.inova.unicamp.br/desafio
arquivo sem legenda ou nomeDesafio Unicamp 2017
O Desafio Unicamp é uma competição de empreendedorismo baseada em tecnologias da Unicamp. A iniciativa está na sétima edição e é organizada, anualmente, pela Inova Unicamp. A equipe que conquistar a primeira colocação vai receber prêmio no valor de até 15 mil reais, troféus, certificados, pré-aceleração na Baita Aceleradora e treinamento Green Belt pela FM2S.
São patrocinadores desta edição a Clarke, Modet &Co, a FM2S Consultoria, a Baita Aceleradora, a Acceleratus, a Finep, o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e o Banco do Brasil.

A iniciativa conta com o apoio do Ciesp-Campinas, da Câmara Brasil Alemanha, da Anjos do Brasil, do Núcleo das Empresas Juniores da Unicamp, da Rede Global do Empreendedorismo Campinas, da University of Florida, da Campinas Startups, da Incamp, da Unicamp Ventures e da Liga Empreendedora.
Compartilhar:
Comentários:Nenhum comentário foi publicado.

Deixe aqui seu Comentário:

Nome:
Empresa:
Comentário: